APCEP - Associação Portuguesa para a Cultura e Educação Permanente
Untitled Document
  • apcep.pt
  • apcep.pt
  • apcep.pt
  • apcep.pt
  • apcep.pt
 
Inquietação Social
 
Transportamos dentro de nós a férrea convicção de que é possível um outro mundo.
 
Carregamos na nossa inquietude os marcos de uma história ancorada à luta pela dignificação do ser humano, na afirmação de direitos ligados a uma cidadania plasmada na liberdade, no respeito da vida, na justiça, na igualdade e na paz.
Estamos socialmente inquietos devido à tentativa de instituir a verdade absoluta, o medo de existir, ao constrangimento do assumir da liberdade, à evidência dos ricos serem mais ricos e os pobres serem mais pobres. Lembramos Brecht da sua desmistificação da verdade natural “Nós vos pedimos com insistência: nunca digam isso é natural diante dos acontecimentos de cada dia. Numa época em que reina a confusão, em que corre o sangue, em que se ordena a desordem, em que o arbítrio tem força de lei, em que a humanidade desumaniza (...) não digam nunca: isso é natural, a fim de que nada passe por imutável. Sob o familiar, descubram o insólito. Sob o cotidiano, desvelem o inexplicável. Que tudo que seja dito ser habitual, cause inquietação. Na regra é preciso descobrir o abuso, e sempre que o abuso for encontrado, é preciso encontrar o remédio”.
No diálogo, no debate, no questionamento, na partilha...estamos certos que caminharemos lado a lado na descoberta do caminho que nos aponte para as possíveis respostas para esta inquietante inquietação.

Marcelino de Sousa Lopes
Maria José Aguilar Idañes
Mario Viché
Rui Fonte
 
 
 



Untitled Document
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

 

 
 
 
Untitled Document

© 2016 Copyright - Todos os direitos reservados à Associação Portuguesa para a Cultura e Educação Permanente | Webmaster: David Albino